Tag: Robótica na Agricultura

2 de maio de 2022

Grain Weevil, o robô que quer proteger a vida dos agricultores nos silos


Grain Weevil

Grain Weevil

O Grain Weevil foi desenvolvido por estudantes americanos e serve para movimentar os grãos no topo dos silos, evitando ou diminuindo as entradas nas estruturas

Ben Johnson e Zane Zents, ambos estudantes da Universidade de Nebraska, nos EUA (engenharia elétrica e ciência da computação), já estavam envolvidos com projetos de robótica quando receberam o pedido de um amigo: construam um robô para que eu ou meus filhos jamais entrem em um silo de grãos. O medo não é por pouco: os acidentes em silos nos Estados Unidos mataram 20 pessoas só em sufocamentos no ano de 2020.

Além dos acidentes, o ambiente ainda causa doença nos pulmões em trabalhadores com muitos anos de exposição ao pó dos grãos. Com o temor do amigo, os dois partiram para criar uma solução com um enorme mercado em vista: são 450 mil fazendas nos EUA com armazenagem própria de grãos.

grain weevil farmfor

Dois anos depois, saiu o resultado: o Grain Weevil é um robô do tamanho de um cortador de grama que se locomove no topo dos grãos armazenados através de duas roscas sem fim. Com o movimento, o grão é “remexido” e crostas ou acúmulos são dissolvidos. Melhor ver a gambiarra em ação para entender:

 

O robô ainda está em fase de desenvolvimento e já passou por 200 propriedades nos EUA para testes. Por enquanto, ele ainda se movimenta por controle remoto, mas a autonomia (tal qual um aspirador de pó robótico) está por vir, bem como sensores diversos para informar ao produtor a situação dos grãos.

Desde o seu lançamento, o projeto já recebeu vários prêmios e apoio de diversas entidades americanas. O robozinho foi muito bem recebido pela comunidade agrícola e tem tudo pra dar certo.

Saiba mais

Grain Weevil – Site Oficial


23 de abril de 2022

John Deere faz parceria com fabricante de pulverizador autônomo


john deere faz

A John Deere formou uma joint venture com a californiana GUSS, pioneira no desenvolvimento de pulverizadores autônomos

 

john deere faz

A GUSS Automation já foi mencionada aqui no blog em janeiro de 2018, quando a startup começava a se destacar no cenário da robótica agrícola com o seu veículo autônomo de mesmo nome, sigla para Global Unmanned Spray System. Agora, a John Deere resolveu fechar uma parceria com a empresa, colocando os pulverizadores da GUSS disponíveis em seus canais de venda.

A GUSS vai continuar operando sem modificações na estrutura ou marca.

GUSS

Os pulverizadores autônomos da GUSS não miram nas lavouras e sim nos pomares, com muito mais valor agragado por metro quadrado. Especialmente na Califórnia, é um mercado bilionário.

Saiba mais

The Robot Report


11 de dezembro de 2021

Robô da Boston Dynamics está treinando para trabalhar nas lavouras


spot

Spot, o famoso robô de quatro patas da Boston Dynamics está nos planos da Corteva para trabalhos de coleta de dados no campo

 

O Spot é provavelmente um dos robôs mais famosos do mundo. Os amarelinhos “de quatro patas” frequentemente aparecem na internet exibindo suas capacidades. No agro, ele já foi visto cuidadando de ovelhas na Nova Zelândia e fora do mundo rural encontra emprego até no controle social.

 

robô da boston dynamics

 

robô spot

Ultimamente, em uma parceria fechada com a Corteva Agriscience, o Spot está em testes para o monitoramento e coleta de dados em lavouras. O robô leva uma pequena caixa nas costas e um GPS da Trimble, além dos diversos sensores que já são originais do modelo.

O robô sozinho é capaz de fazer uma varredura em toda a lavoura e colaborar na aplicação correta de defensivos, além de acompanhar o crescimento das plantas, já que inclui em seus equipamentos sensores de laser de alta precisão, que traçam na memória um mapa da altura da vegetação.

O Robô da Boston Dynamics, nesta versão agrícola, foi apelidado de “Annie”.

Saiba mais sobre este projeto no site da Corteva.

Robótica na Agricultura

Leia mais sobre o tema no Blog do Farmfor


28 de novembro de 2021

Colheitadeira robô é lançada na China


colheitadeira robô

Máquina misteriosa apareceu em vídeos no Instagram e provocou curiosidade no mercado agrícola. De onde vem a Colheitadeira Robô?

 

Um vídeo de uma colheitadeira vermelha sem cabine colhendo o que parecia ser trigo, ao lado de algumas pessoas que gravavam tudo. Era o que existia disponível na internet, visto pela nossa página primeiro no instagram de humor agrícola italiano “ADM • Agricoltore Di Merda“. Publicamos o vídeo no Facebook e seguimos com a pesquisa.

 

 

Colheitadeira Robô – agora sabemos mais

 

Trata-se de um experimento da empresa chinesa Country Garden Group, líder no segmento da construção civil da China que desde 2018 vem investindo também no mundo rural, avançando no interior do país na tentativa de implantar grandes lavouras de grãos. Só no ano passado, a empresa já tinha investido meio bilhão de dólares no desenvolvimento de robôs para a construção civil, para se manter competitiva no período pós-pandemia.

A colheitadeira e um trator não-tripulado foram apresentados no dia 23 de novembro no Country Garden Ten Thousand Mu Smart Agriculture Park, em Nanshan Town (Distrito de Sanshui) na cidade de Foshan.

O trator modelo HY3004 tem 300 hp de potência e pode “gradear” 36 hectares por hora. Já a colheitadeira H9700 “faz tudo sozinha”, reconhecendo o campo e fazendo as curvas ao final das linhas e é capaz de colher 500 hectares de arroz em 8 ou 10 horas. Tudo desenvolvido pela Country Garden, que inaugurou o centro de pesquisas com 4 mil hectares para testar suas invenções na área de máquinas autônomas e soluções de internet e nuvem. Os (poucos) dados são do site chinês Lanzixum.

Imagens

 

colheitadeira robô

 

colheitadeira

 

colheitadeira robô farmfor

 

trator robô

 

No final das contas, o trator e a colheitadeira não eram da cor vermelha e sim rosa. E o campo de trigo era na realidade de arroz.

Em caso de novidade sobre estas máquinas do futuro da China, informaremos aqui no Blog.

 

Veja também

 

Um batalhão de robôs chineses prontos para dominar o mundo


27 de maio de 2021

Claas investe na AgXeed, empresa de robótica agrícola


AgXeed

AgXeed

A AgXeed é uma empresa holandesa especializada em robótica e veículos autônomos para a área agrícola. Em parceria com a Claas, vai ampliar o desenvolvimento e comercialização dos produtos

A Claas adquiriu uma parcela da startup holandesa AgXeed, desenvolvedora de veículos autônomos e robótica agrícola. Em seu site, há destaque para um veículo totalmente autônomo e uma variedade de módulos para trabalho na lavoura.

agxeed farmfor

 

Sobre a AgXeed, via site oficial

Os agricultores têm um papel indispensável na sociedade; os agricultores não nos fornecem apenas alimentos, mas também cuidam do meio ambiente. Devido ao crescimento crescente da população, à escassez de mão de obra, à pressão para uma agricultura mais sustentável e às exigentes regulamentações governamentais, os agricultores estão sendo cada vez mais desafiados a obter o máximo das terras agrícolas disponíveis. Os meios para isso estão se tornando mais sofisticados e precisos; mais e mais dados estarão disponíveis para tomar as decisões certas.

E é por isso que fundamos a AgXeed; por meio de nossas soluções, os agricultores terão mais tempo para tomar as decisões certas. Nossos produtos garantirão que os agricultores tenham tempo para fazer o que fazem de melhor; a agricultura e manejar os recursos que nos foram dados de uma forma cuidadosa. As técnicas mais modernas recuperarão o interesse de uma nova geração na agricultura – com o objetivo final de garantir que haja alimentos suficientes cultivados de forma sustentável para alimentar toda a população mundial.

 

 

O investimento da Claas não é o único. A empresa já recebeu dinheiro da União Européia (European Union’s Horizon 2020 research and innovation programme e Europees Fonds voor Regionale Ontwikkeling), além de diversos órgãos governamentais da Holanda.

Não são muitos os dados disponíveis, mas os robôs estarão disponíveis no mercado em 2022 e possuem motor diesel de até 156 hp, motores elétricos e capacidade para erguer 8 toneladas no implemento.


6 de maio de 2021

Horsch realiza testes com plantedeira robô


plantadeira robô

plantadeira robôO CEO da empresa, Philipp Horsch, usou o Twitter para mostrar vídeos da “plantadeira robô” totalmente autônoma e que trabalha sem operador

Olhando de longe, até parece a plantedeira autopropelida lançada recentemente pela Jacto, a Uniport Planter 500. De perto, o protótipo da Horsch nem cabine tem e pretende fazer todo o trabalho de forma totalmente autônoma, com os acessórios de sempre no mundo dos veículos autopropelidos: GPS, LIDAR e uma rede complexa de sensores e sistemas de comunicação.

Horsch (o executivo) postou uma sequência de vídeos no Twitter sobre a plantadeira. No dia 27 de abril, poucos segundos do robô ao lado de uma estrada, com o texto “nós finalizamos o robô e estamos plantando os primeiros hectares desde sexta. Em breve, mais informações”.

 

No dia 29 de abril, um vídeo mais completo: “mais algumas impressões do campo do nosso primeiro plantio de testes. O robô funciona bem, seu plantio autônomo e as curvas nos finais de linha, etc. Tudo vai muito bem, obrigado ao time que está por trás que fez tanto em tão pouco tempo!”

Ainda segundo o CEO, os regulamentos de segurança para este tipo de veículo autônomo impedem a aproximação de pessoas até 600 metros de distância lá na Alemanha, para observar a atuação e que a empresa tenta resolver este problema “político”. Outros dois conceitos de veículos antônomos da Horsch, além da plantadeira robô, estão prometidos para o ano de 2021.

plantadeira robô

Nos comentários recebidos para as publicações, uma mistura de esperança, felicitações e também medo. Um usuário retrucou (em uma tradução livre) “ela ergue o implemento quando encontra ninho de pássaros? Ela para quando encontra uma ovelha? Precisaremos de terrenos planos e enormes assim? Quem vai ligar para a polícia quando um crime rural acontecer?”.

Os testes foram realizados na matriz da Horsch, na Alemanha.

 


4 de fevereiro de 2021

Robô que faz poda de pomares está em desenvolvimento na Alemanha


robô que faz poda




robô que faz poda

Robô que faz poda

Um robô que faz poda de pomares e parreirais está em desenvolvimento na Universidade de Hohenheim, na Alemanha. Por enquanto, é uma simples caixa feita com barras de alumínio, sensores e um braço robótico padrão que segura orgulhosamente uma serra elétrica. Em um futuro próximo, no formato definitivo, poderá ser um forte aliado dos produtores.

A atividade de poda é crítica na Europa e muitos pomares (que possuem uma importante função ambiental) estão morrendo por falta de quem cuide. A falta de mão de obra especializada é grande, ninguém mais sabe podar.

Como funciona o robô

Nuvem de pontos: é assim que o robô “vê” a árvore e seus galhos através do laser. Nesta fase experimental, não é bom deixar o braço por perto.

O Phoenix se movimenta no pomar através de GPS com RTK, identifica a posição das plantas e faz uma varredura com laser (LIDAR), identificando os galhos que serão podados e executando o serviço de acordo com o tipo de planta e objetivo da poda.

Neste momento, o robô que faz poda ainda engatinha, sendo controlado manualmente até os pontos de corte. Nada que investimento e estudo não resolvam no médio prazo.

Veja também

SMASH, o robô agrícola da Yanmar – Em desenvolvimento na Itália, o robô SMASH será capaz de monitorar lavouras, fazer análise de solo e atuar na aplicação de defensivos.


6 de janeiro de 2021

Robô controlador de colmeia da Daesung quer facilitar a vida do apicultor


Daesung

A robótica chegou na apicultura. A empresa Daesung exibiu na versão digital da CES 2021, uma das maiores feiras de tecnologia do mundo, seu robô “controlador de colméia”, batizado de Smart Hive.

O equipamento que é todo feito de alumínio é colocado no topo da caixa de abelha – podendo ser ajustado para 5 tamanhos diferentes – e, após o acionamento, começa a retirar as colmeias uma a uma, “escovando” gentilmente as abelhas e pendurando a carga em ganchos. Ao final do serviço, o apicultor é alertado por um sinal de áudio.

 

Smart Hive

 

Acima: o robô extrator de colmeias da Daesung, em vídeo.

Na realidade, tá mais para “máquina de retirar colmeias” e não um robô, mas é uma ideia. A Smart Hive tem carga na bateria para trabalhar em 50 caixas e pesa 11kg. Ainda em desenvolvimento e postada no site de financiamento de projetos Indiegogo, ela tem o preço estimado de US$ 3000,00.

Veja também

Israelenses desenvolvem mel sintético sem abelha.


10 de julho de 2020

Sabanto e o aluguel de tratores sem operador para plantio nos EUA


sabanto

A empresa americana Sabanto coloca nas propriedades sua frota de Kubotas robotizados para realizar o plantio, horas sem parar

Não é mais coisa de filme futurista: nos Estados Unidos, a empresa Sabanto está alugando sua frota de tratores Kubota equipados com sistemas autônomos para realizar o plantio. E cobram por serviço.

O modelo de negócio tem até nome no mercado. É o FAAS (Farming as a service), ou Agricultura Como Serviço.

A empresa tem no seu quadro de colaboradores engenheiros e pesquisadores com experiência pessoal em agricultura, muitos filhos de agricultores. Sediada em Chicago, Illinois, a Sabanto está no segundo ano de prestação de serviços, com vários clientes.

Os tratores Kubota são do modelo 5660 com plantadeiras de cinco linhas da Harvest International.

Lavoura plantada com os robôs da empresa. Fonte: Facebook.
Plantio noturno com dois tratores.

Em tempos de pandemia e dificuldades na contratação de trabalhadores imigrantes nos países da América do Norte, a robótica na agricultura tem tudo para ganhar mercado. Uma realidade diferente da brasileira.

Saiba mais

Site oficial da empresa.


30 de abril de 2020

Minicarregadeira vira pulverizador em empresa americana


minicarregadeira

A Farb Guidance Systems desenvolveu um sistema autônomo para diversos implementos, todos tendo como base uma minicarregadeira CAT

A Farb Guidance Systems é uma empresa americana que iniciou as atividades em 2012, especializada no desenvolvimento de soluções para veículos agrícolas autônomos. É mais uma na corrida dos veículos sem operador no agro.

Com uma missão nobre, diz o site que a Farb é “focada em inovação, sustentabilidade, filantropia e liberdade de escolha, preservando recursos naturais nas propriedades, aumentando a produtividade e os lucros e, eventualmente, explorando e desenvolvendo áreas do planeta onde anteriormente era impossível plantar“.

Na base do projeto de veículo autônomo, uma minicarregadeira Caterpillar 299D2 modificada com computadores e controles, GPS e vários sensores. O conjunto pode ser acoplado em uma diversidade de implementos para a realização de trabalhos na lavoura.

O sistema é capaz de detectar obstáculos, pessoas e animais no trajeto, bem como manter a memória geográfica do terreno mesclando os dados com os relatórios de clima. Com muita chuva, a máquina já sabe que em determinado ponto a lavoura fica com lamaçais, por exemplo.

O pulverizador autônomo, na lida com canola.

O pessoal da Farb foi esperto ao escolher um veículo existente que conta com manutenção em quase todo o planeta, apenas adaptando a parte inteligente: computadores e softwares.

O arranjo já realizou mais de 1000 horas de serviços em lavouras, cobrindo mais de 4000 hectares nos Estados Unidos e no Canadá, no trabalho com grades, semeadura, pulverização e amostragem de solo.

A empresa vende ou aluga as máquinas, que só precisam de cobertura de internet na lavoura onde será executado o trabalho. As máquinas são controladas remotamente, direto da sede da empresa. Ainda segundo a Farb, no caso de terceirização dos serviços, os custos são compatíveis com as alternativas tradicionais de uso de maquinário agrícola.

Veja também

Pulverizador robô autônomo: mais uma novidade no Agro.

Idaho company’s unmanned farm equipment taking off across U.S.


14 de agosto de 2018

Agri Robo, o trator autônomo da Kubota


Agri Robo

Agri Robo e FarmPilot são os nomes que acompanham as tecnologias para máquinas agrícolas autônomas da Kubota.

 

A japonesa Kubota vem investindo na sua linha de máquinas agrícolas sem  operador (autônomas), principalmente tratores e colheitadeiras. Um novo vídeo publicado no Youtube mostra o produto denominado Agri Robo, acompanhado pela estação FarmPilot. A apresentação é em japonês. Acompanhe as belas imagens conhecendo ou não o idioma.

 

 

O próprio governo japonês vem apoiando a ideia de máquinas agrícolas autônomas, principalmente por conta do envelhecimento da população local.

Tratores de pouca potência, aragem automática, transplante de mudas e pequenas colheitadeiras de até 100 hp estão em prioridade no desenvolvimento.

Acesse a página da Kubota, aqui.

 

Textos sobre Robótica na Agricultura, neste link.



Publicidade