Grupo protestou contra a posição da RBS sobre agrotóxicos e campanhas contra o consumo de carne

O Blog do jornalista Políbio Braga deu destaque para o protesto realizado por alguns pecuaristas durante a Expointer em Esteio, no Rio Grande do Sul. Com faixas e cartazes, foram para a frente da Casa da RBS no parque de exposições e protestaram por conta dos posicionamentos da emissora.

Não é pra menos.

Durante a Expointer – uma das feiras mais importantes do mundo para a agropecuária, tradicional espaço para cabanhas mostrarem e negociarem seus animais – o jornal Zero Hora, do Grupo RBS, publicou matéria sobre a “sexta sem carne”, mais uma data contra o consumo e a pecuária, carregada de ideologia e dados “daqueles” sobre a atividade. A RBS emitiu nota pedindo desculpas.

É a segunda vez, em um curto espaço de tempo, que a RBS apronta com o setor. No Dia do Pecuarista, foi exibida no Jornal do Almoço uma longa reportagem sobre a Segunda Sem Carne. O jornal é campeão de audiência no Rio Grande do Sul. Da mesma forma, depois da aventura, a emissora pediu desculpas com uma espécie de reportagem de consolo.

O protesto é válido, mas simbólico. A única forma de marcar posição nesta guerra de informações é tirando o dinheiro dos veículos, até que o respeito volte. Antes que a emissora apronte três vezes e peça música no Fantástico. Provavelmente, alguma com versos contra o agronegócio.

Facebook Comments