Tag: Incêndios

8 de novembro de 2020

Fogos de artifício causam incêndio em lavoura no Rio Grande do Sul


fogos de artifício

Um estouro de fogos de artifício acabou causando prejuízos para um agricultor da cidade de Ibirubá, no Rio Grande do Sul, no final de tarde do último sábado, dia 7.

A lavoura fica perto de um campo de futebol e segundo informações da Rádio Cidade Ibirubá, “estouros de foguetes foram ouvidos antes do fogo iniciar.

 

 

Os bombeiros foram chamados e o incêndio foi controlado cerca de uma hora depois.

Veja também

Índios processam John Deere e agricultor por incêndio iniciado em colheitadeira.


5 de outubro de 2020

Colheitadeira Ideal em chamas: agricultor canadense grava tudo


Colheitadeira Ideal em chamas

Mike Mitchell, agricultor da província de Saskatchewan, postou um vídeo com o “durante e depois” do sinistro ocorrido durante a noite

Uma colheitadeira Ideal em chamas, no meio da noite em uma região sem cobertura de celular. Este é o cenário da tragédia gravada por Mike Mitchel, agricultor e youtuber nas horas vagas lá do Canadá. Ninguém ficou ferido no incêndio, ocorrido cerca de três semanas atrás em uma lavoura de grão-de-bico.

Colheitadeira Ideal em chamas

Tudo começou quando o operador notou algo “azul” no retrovisor, gritou “fogo!” no rádio para chamar a equipe e pulou da colheitadeira. Em segundos, a máquina já estava completamente tomada pelas chamas.

Como estavam trabalhando em comboio, os outros operadores imediatamente começaram a combater minimamente o fogo, protegendo o perímetro, até a chegada de um trator para circular o incêndio e salvar o resto da lavoura. Na correria, explosões dos pneus, o diesel queimando e muito vento.

O vídeo de Mike Mitchell tem 42 minutos e foi gravado em momentos diferentes, durante e depois do sinistro.

Depois de algum tempo, os bombeiros da cidade chegam ao local e prestam o devido socorro.

Colheitadeira Ideal em Chamas – Algumas semanas depois

Só sobrou sucata torrada. Vai direto para a reciclagem.

Aos 25 minutos do vídeo, o Mike volta para o local do sinistro (algumas semanas depois) e mostra a colheitadeira “torrada”, em detalhes. Muito metal retorcido e praticamente só a ponta da plataforma Honey Bee sem marcas do fogo.

A causa do incêndio

De acordo com o Mike, o incêndio foi causado por aquecimento em uma das caixas de engrenagens do rotor (direito), após vazamento de óleo.

A combinação de aquecimento das engrenagens, óleo na palha e proximidade do tanque de combustível de plástico foram determinantes no sinistro.

A colheitadeira estava trabalhando com o rotor em baixa rotação (300 rpm) colhendo grão-de-bico. Um último detalhe: o próprio agricultor conferiu no dia seguinte todos os rolamentos da máquina e nenhum apresentava defeito. O cara é detalhista. Agora é aguardar uma Ideal novinha, totalmente paga pelo seguro.

Veja também

Nova colheitadeira AGCO Massey Ferguson Ideal


16 de setembro de 2020

Após incêndio e ataque cardíaco, agricultor recebe ajuda dos vizinhos nos EUA


Após incêndio

Comunidade agrícola nos Estados Unidos deu uma pausa na própria colheita para socorrer o vizinho que se recupera no hospital

Lane Unhjem, um agricultor da cidade americana de Crosby, Dakota do Norte, sofreu um ataque cardíaco após testemunhar sua colheitadeira ser consumida pelo fogo durante o trabalho. O sinistro aconteceu no início de setembro.

Hospitalizado e sem a máquina, Unhjem acabou recebendo a ajuda dos vizinhos para completar a colheita na propriedade. Um pequeno exército com cerca de 50 agricultores, colheitadeiras, carretas agrícolas, tratores e caminhões partiu para o trabalho e os 400 hectares de trigo foram totalmente colhidos em incríveis 7 horas.

As fotos abaixo são do Facebook de Don Anderson:

Casos assim são comuns nos Estados Unidos, com vários exemplos de comunidades agrícolas ajudando os vizinhos nos momentos mais complicados. Confira “Vítima de câncer, agricultor recebe a ajuda de vizinhos para colher o trigo nos EUA“, publicada aqui no blog em agosto de 2019.

O agricultor se recupera bem no hospital, seu trigo está bem guardado nos silos e a vida continua, deixando esta grande história para a posteridade.

Veja também

North Dakota community rallies to help farmer harvest crops after heart attack


7 de janeiro de 2020

Aquecimento global? 183 pessoas presas na Austrália por iniciar queimadas


Aquecimento Global

Em diversas partes do país, pessoas foram presas por colocar fogo por conta própria em matagais, iniciando incêndios incontroláveis

Desde o início da temporada de incêndios na Austrália, 183 pessoas foram presas por colocar fogo de forma criminosa em matagais.

Os dados foram compilados em reportagem do The Australian e replicados por diversos sites de notícia do mundo inteiro.

Como já era de se esperar, a turma do “Aquecimento Global” vem tentando ganhar espaço no debate desde o início da crise que assola o país, tendo como certo que as mudanças climáticas são as causas dos incêndios. Agora, com as incontáveis prisões e indiciamentos de pessoas que iniciaram queimadas, caem por terra certas teorias.

Aquecimento Global não causa incêndio criminoso

O Membro do Parlamento da Austrália, Craig Kelly, “foi para o pau” com o apresentador de TV Piers Morgan em um programa ao vivo da TV Britânica ITV onde a questão ambiental era o ponto central nas causas dos incêndios australianos. O político xingou ao vivo uma meteorologista que participava no estúdio de “menina do tempo ignorante”.

Maconheiro incendiário

Um dos incêndios no mês de novembro teve uma causa peculiar: foi iniciado por um homem de 51 anos que pretendia proteger a sua plantação de maconha dos incêndios vizinhos na região de Northern Tablelands, New South Wales. A façanha destruiu 5400 hectares de matas.

Veja também

Gado queimado é sacrificado na Austrália.


3 de janeiro de 2020

Gado queimado é sacrificado na Austrália


Gado queimado

Imagem triste rodou o mundo e mostra a situação do incêndio florestal que varre o país e já é maior que o da Amazônia

Os incêndios que estão devastando a Austrália começaram em setembro do ano passado e já queimaram mais de 7 milhões de hectares de vegetação, mataram 18 pessoas e causaram incontáveis danos da fauna e patrimônio. Centenas de milhares de pessoas já foram evacuadas de suas casas. É o maior da história do país.

O número oficial do INPE para as queimadas na Amazônia é de cerca de 7 milhões de hectares para o período de janeiro a novembro de 2019.

Steve Shipton sacrificando uma cabeça de gado. Foto de Sean Davey.

A imagem que comoveu o mundo: o pecuarista Steve Shipton aparece na foto sacrificando uma cabeça de gado de sua propriedade. Muitas vacas morreram nos campos, mas uma boa quantidade vagava pelas terras agonizando pelos ferimentos após o sinistro, necessitando da triste ação.

O fotógrafo que fez a foto criou uma página para levantar fundos e ajudar o pecuarista, neste link. O dinheiro arrecadado irá para a reconstrução das cercas e compra de suprimentos para a própria família e para o gado que restou.

Outras familias de agricultores perderam tudo, em poucos minutos de incêndio. Há também uma tragédia maior: pai e filho morreram tentando proteger o gado em uma propriedade na região de Wandella.

Saiba mais

Australia’s fires have burned more than twice as much land as the summer’s Amazon blazes. They’re part of an ominous carbon-dioxide feedback loop.

Farmer forced to shoot cattle after bushfires.

Fires reduce NSW dairy farm to ash in just 10 minutes.


8 de agosto de 2019

Índios processam John Deere e agricultor por incêndio iniciado em colheitadeira


Índios processam john deere

Tribos confederadas de Warm Springs querem 12 milhões de dólares em indenizações por incêndio de 2017, nos Estados Unidos

Um incêndio iniciado em uma colheitadeira acabou queimando 27 mil hectares durante duas semanas no estado do Oregon, nos Estados Unidos. O incidente ficou conhecido como “Nena Springs Fire” e ocorreu em agosto de 2017.

Agora, uma associação de várias tribos indígenas da região afetada está processando o agricultor dono da lavoura onde começou o sinistro e a própria John Deere.

No processo, a Confederated Tribes of Warm Springs alega que o proprietário das terras foi imprudente ao deixar uma pessoa não qualificada operar a colheitadeira (o agricultor teria colocado o irmão sem experiência colhendo naquele dia).

Imagem do incêndio. A região queimou por duas semanas.

O incêndio teria começado quando uma pedra ficou trancada na plataforma, batendo no ferro e gerando faíscas que viraram fogo na lavoura de trigo, em uma época com temperaturas beirando os 40 graus. A John Deere é citada no processo como uma empresa que fabrica um equipamento defeituoso, sujeito a problemas como este e que deveria ter sistemas de alarme e bloqueio automático do funcionamento.

Índios processam john deere
A colheitadeira envolvida no sinistro.

Já os bombeiros do Estado de Oregon atestaram no laudo que o incêndio foi acidental, provavelmente causado por colheitadeira em seu trabalho de rotina, ampliado pela temperatura ambiente beirando os 40C.

Como indenização, os índios querem 12,25 milhões de dólares por conta dos alegados danos na reserva, pela queima das florestas, destruição de cercas, deterioração do solo e nascentes, recursos culturais, peixes e vida selvagem.

Segundo o jornal Oregon Live, a John Deere disse não ter acesso ao processo e que não poderia emitir nota para a reportagem desta terça, 6 de agosto.

Saiba mais: Lawsuit Alleges Rancher, John Deere Combine Caused Wildfire.


28 de julho de 2019

Incêndio iniciado em colheitadeira deixa 68 feridos na Alemanha


Cuxhaven

Sinistro em Cuxhaven provocou a evacuação de um camping próximo de lavoura de milho e movimentou 200 bombeiros e 130 médicos

Um incêndio iniciado emuma colheitadeira durante a colheita de milho na região de Cuxhaven, na Baixa Saxônia (norte da Alemanha) assustou a população local e os frequentadores de um camping. É verão no país e as temperaturas registradas estão acima dos 40C. O sinistro ocorreu no final de sábado, 26 de julho.

Foram queimados cerca de 5 hectares de lavoura. Com a fumaça, 62 pessoas ficaram feridas por inalação de gases e atendidas pelos médicos. Do camping, dos 1800 frequentadores, 300 foram removidos para locais seguros.

Outros focos de incêndio estão ocorrendo nas lavouras do país, por conta das altas temperaturas e da vegetação seca. Na semana anterior, uma enfardadeira de palha também provocou um incêndio, com prejuízos da ordem de 100 mil euros.

Imagens – Bombeiros Voluntários no Facebook.

A colheitadeira que foi “acusada” de iniciar o incêndio foi confiscada pelas autoridades e passa por perícia.

Saiba mais:

Feldbrand: 62 Camper durch Rauchgas verletzt.

68 Verletzte nach Feldbrand bei Campingplatz.


6 de maio de 2019

Incêndio mata 550 vacas leiteiras nos EUA


incendio mata 550 vacas

O sinistro destruiu o confinamento free stall da propriedade que fica na cidade de Copenhagen, no Estado de Nova York

Os produtores de leite Doris e Walt Kennell, da cidade de Copenhagen, no estado de Nova York, perderam 550 de seus 600 animais após um incêndio nas instalações ocorrido no último dia 25 de abril.

Foram perdidas 504 vacas, 40 novilhas e 4 touros, enquanto outros animais tiveram que ser sacrificados por conta dos ferimentos, dias depois.

Bombeiros de diversas cidades da região participaram do atendimento na ocorrência. A suspeita para o sinistro é de curto no circuito elétrico de uma bomba usada para retirar esterco do galpão, mas o caso ainda está sendo investigado.

Participaram do atendimento os bombeiros do Copenhagen Volunteer Fire Department, Lowville Fire Department, New York State Police, Castorland Fire Co., Martinsburg Fire Department, West Carthage Fire Department Tankers, Rutland Volunteer Fire Department, Lewis County Search & Rescue e Lewis County Fire Coordinators. As fotos desta postagem são do Copenhagen Volunteer Fire Department e do Rutland Volunteer Fire Department.

Com informações do site Dairy Herd e do Watertown Daily Times.


25 de outubro de 2018

Case IH Magnum 315 pega fogo no meio da lavoura


Case IH Magnum

Trator ficou completamente destruído em incêndio que deixou um rastro de fumaça visível a quilômetros de distância. Ninguém se feriu.

 

Um péssimo dia para um agricultor da região de Port Washington, no estado de Wisconsin, lá nos Estados Unidos. Seu trator, um Case IH Magnum 315 sofreu perda total após pegar fogo durante o trabalho de preparação de uma lavoura para o plantio de trigo neste (por lá) inverno.

Modelo queimado na lavoura, foto meramente ilustrativa.

 

O trator, durante o incêndio: a foto é do Corpo de Bombeiros da cidade.

 

O fogo começou em um acúmulo de palha, escondido atrás das peças plásticas, abaixo da cabine. tudo aconteceu no final da tarde da segunda, 22 de outubro. O trator está avaliado em US$ 195 mil e estava totalmente revisado e de motor novo. Contribuíram para a queima o tanque que estava no momento com 470 litros de diesel e os 280 litros do fluído hidráulico.

O operador ainda tentou apagar o fogo com o extintor, sem sucesso. Restou chamar os bombeiros e o seguro.

 

As informações são do site Ozaukee Press.

 


8 de dezembro de 2017

Cavalos estão morrendo queimados nos incêndios da Califórnia


O fogo atingiu áreas onde estão instalados haras e centros de treinamento na região de San Diego

Os incêndios florestais na Califórnia estão causando sérios prejuízos para milhares de pessoas na região sul do estado. Um clima seco e ventos de mais de 100 quilômetros por hora levam o inferno das chamas para vários lugares, rapidamente.

 

Incêndios na Califórnia

Casas queimando na região de Lilac. Imagem da NBC San Diego.

Além de plantações dizimadas nas áreas rurais, os animais também sofrem. Um haras foi atingido na localidade de Bonsall, em San Diego. O fogo destruiu baias, causou a morte de dezenas de cavalos e tornou quase impossível a operação montada para salvamento dos animais. Junto com o fogo, fumaça, poeira e destroços dificultam o trabalho. Há também o perigo de lidar em um local cheio de cavalos em fúria e desespero.

 

 

 

 

 

 

Para os sobreviventes, um longo caminho para a recuperação, alguns com grandes partes do corpo queimadas. Apenas em um dos haras atingidos, estavam quase 500 cavalos, exemplares de alto padrão.


7 de abril de 2016

Incêndios em colheitadeiras e os extintores automáticos


incêndios em colheitadeiras




Precisamos criar a cultura da prevenção de incêndio em colheitadeiras. A tecnologia para diminuir os danos já existe.

 

A combinação de palha, tempo seco e calor (do ambiente e da máquina) pode provocar incêndios devastadores em colheitadeiras. Existem centenas de vídeos mostrando a desgraça desde sinistro na internet. Muitas máquinas levam apenas um pequeno extintor, inútil em muitos casos.

Mas saibam que existem sistemas automatizados, com grandes cilindros, sistema de detecção de calor e canalização, para diversos pontos da máquina, disponíveis no mercado, para aplicações diversas como náutica, equipamentos e ambientes industriais, máquinas pesadas da construção civil e até mesmo para centros de processamento de dados (CPDs) de grandes empresas.

O extintor de incêndio automático

O sistema da empresa americana Paragon Fire é inteligente e ao mesmo tempo de uma simplicidade incrível. Um cilindro com o componente contra fogo, uma válvula, sensor de calor em forma de fio e canalização para levar o produto até os pontos mais importantes da colheitadeira. No momento do fogo, o sistema detecta a chama e dispara a proteção.

 

Incêndios em colheitadeiras (e ensiladeiras) – Demonstrações

 

 

 

Elide Fireball, a incrível bomba que acaba com incêndios

A empresa Elide Fire fornece no mercado europeu a incrível “bola de fogo”, uma esfera que explode em contato com o fogo, liberando o pó que acaba com as chamas. Para entender, melhor assistir ao vídeo. Cada bola destas custa cerca de 80 euros na Alemanha (cerca de R$330,00).

 

 

 

No Brasil, várias empresas do ramo de combate ao incêndio poderiam orientar sobre estes equipamentos. Falta uma conexão destas empresas com o mercado agrícola ou o problema é cultural?
Se você é empresário do ramo e fabrica ou revende equipamentos para o segmento agrícola, entre em contato com o blog. Vamos mostrar seu produto.



Publicidade