Blog do Farmfor

O blog da rede social dos agricultores

Thor, o cão farejador de sementes

O cachorrinho acha de tudo, até maconha.

Fiscais da Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro), com a ajuda do cão farejador Thor, apreenderam 250 pacotes de sementes, importadas sem autorização, de flores, de maconha e de vegetais – tomate, abóbora e outras olerícolas. Os produtos serão destruídos.

A apreensão dos auditores fiscais agropecuários, em trabalho conjunto com os técnicos de fiscalização, foi realizada nos dias 27 e 28 de março no Centro de Encomendas Expressas do Correio Internacional, em Pinhais, Curitiba, Paraná. O Centro recebe encomendas do mundo inteiro.

As sementes irregulares oferecem grande risco sanitário pela possibilidade de conterem pragas de difícil combate, já que podem ser desconhecidas no Brasil. O risco associado a introdução de pragas no território nacional, a partir desse tipo de material, é maior que o associado aos produtos agropecuários finais. Sementes são propagadas com grande capacidade de multiplicação.

Escondidas em livros, brinquedos, envelopes, e tubos de ensaio, em pequenas dimensões, as sementes quase sempre não são detectadas no raio X. Por isto, a importância do trabalho dos cães farejadores, os quais possuem percentual de acerto superior a 99% ao inspecionar as encomendas e bagagens. Os animais são capazes até de detectar odores residuais de produtos de uso veterinário.

Em 2017 o Vigiagro fez 13 mil interceptações nos diversos aeroportos brasileiros. Noventa por cento do total eram produtos vegetais.

Fonte: Ministério da Agricultura.

Facebook Comments

Fiscalização