Blog do Farmfor

O blog da rede social dos agricultores

Rodrigo Hilbert carneou um borrego em seu programa de TV. Rodrigo, parabéns e continue assim!

Apresentador tem programa de culinária no canal por assinatura GNT e mostrou como se faz um cordeiro, do abate ao espeto.

 

Cordeiro. Uma das carnes mais apreciadas do mundo e consumida em diversas culturas. Como qualquer animal de abate, é morto para consumo humano em pequenas propriedades ou frigoríficos de todos os tipos e tamanhos. Então um apresentador de TV comete o “crime” de mostrar (com tarjas) como se abate um cordeiro e setores da internet vão à loucura. Começam os boicotes, pedidos para retirada do programa do ar e outras loucuras. Uma petição online tem mais de 2000 assinaturas neste momento.

Assim como o leite não “nasce na caixinha”, aquele carré de cordeiro não brota de algum canto mágico da churrasqueira. A verdade parece bater forte em alguns grupos que não conseguem digerir (sem trocadilho) que comer carne é normal, e bilhões de pessoas no mundo consomem um pernil pelo menos uma vez no ano.

Certos setores de nossa sociedade, adeptos do protesto radical, mesclam suas causas de maneira muito peculiar. Alguns condenam o abate de um cordeiro na televisão por ser “violento”, mas querem na realidade acabar com o consumo de carne e obviamente optam por boicotar o programa. Outros dizem defender o pequeno agricultor que reside naquela propriedade bucólica, romântica e linda mas desde que o mesmo só plante e crie o que for permitido pela ideologia. Adicione o grupo que defende o aborto de seres humanos no 9º mês da gestação mas reserva um amor incondicional para o cordeiro. Por último, mas não menos importante: o cordeiro é presença quase obrigatória na mesa de muitos dos novos imigrantes brasileiros. E agora?

São muitas contradições, falta de visão (mercadológica ou democrática) e a moda de aderir a qualquer campanha, desde que a mesma não exija esforço além do clique (é preciso mandar o link) e que fiquem de bem com amigos e colegas. Causar para aparecer.

Quem quiser saber mais sobre o programa, o nome é Tempero de Família e é transmitido pelo canal GNT.

A ovinocultura é uma ótima atividade, exigindo uma quantidade inferior de área para a produção de carne (900kg contra 250kg de um bovino no mesmo espaço). O Brasil tem um rebanho de 17 milhões de cabeças (IBGE, 2013) e, mesmo assim, ainda precisa importar cordeiro de países como o Uruguai. Ainda temos o leite e a lã, com uma infinidade de empregos e renda gerados em toda a cadeia produtiva.

Rodrigo Hilbert, continue assim e mostre para o público a realidade das nossas tradições.

Facebook Comments

Ovinocultura