Tag: Veículos Autônomos

6 de maio de 2021

Horsch realiza testes com plantedeira robô


plantadeira robô

plantadeira robôO CEO da empresa, Philipp Horsch, usou o Twitter para mostrar vídeos da “plantadeira robô” totalmente autônoma e que trabalha sem operador

Olhando de longe, até parece a plantedeira autopropelida lançada recentemente pela Jacto, a Uniport Planter 500. De perto, o protótipo da Horsch nem cabine tem e pretende fazer todo o trabalho de forma totalmente autônoma, com os acessórios de sempre no mundo dos veículos autopropelidos: GPS, LIDAR e uma rede complexa de sensores e sistemas de comunicação.

Horsch (o executivo) postou uma sequência de vídeos no Twitter sobre a plantadeira. No dia 27 de abril, poucos segundos do robô ao lado de uma estrada, com o texto “nós finalizamos o robô e estamos plantando os primeiros hectares desde sexta. Em breve, mais informações”.

 

No dia 29 de abril, um vídeo mais completo: “mais algumas impressões do campo do nosso primeiro plantio de testes. O robô funciona bem, seu plantio autônomo e as curvas nos finais de linha, etc. Tudo vai muito bem, obrigado ao time que está por trás que fez tanto em tão pouco tempo!”

Ainda segundo o CEO, os regulamentos de segurança para este tipo de veículo autônomo impedem a aproximação de pessoas até 600 metros de distância lá na Alemanha, para observar a atuação e que a empresa tenta resolver este problema “político”. Outros dois conceitos de veículos antônomos da Horsch, além da plantadeira robô, estão prometidos para o ano de 2021.

plantadeira robô

Nos comentários recebidos para as publicações, uma mistura de esperança, felicitações e também medo. Um usuário retrucou (em uma tradução livre) “ela ergue o implemento quando encontra ninho de pássaros? Ela para quando encontra uma ovelha? Precisaremos de terrenos planos e enormes assim? Quem vai ligar para a polícia quando um crime rural acontecer?”.

Os testes foram realizados na matriz da Horsch, na Alemanha.

 


2 de março de 2021

Gruzovikus, o caminhão russo elétrico e totalmente autônomo


Gruzovikus

Gruzovikus

Quem vai bater pneu?

O Gruzovikus é o conceito de um caminhão totalmente elétrico e autônomo criado pelo estúdio de design art lebedev, da Rússia. A empresa foi fundada em 1995 e tem escritórios nos EUA, Reino Unido e Ucrânia, com mais de 300 funcionários e 4482 projetos no portfolio.

Gruzovikus em imagens

Gruzovikus

Gruzovikus

caminhão elétrico russo

O caminhão, sem uma cabine para motorista, é equipado com uma enorme tela OLED na parte frontal e um desenho que desvia o fluxo de ar das laterais da carga. Por dentro, computadores , tecnologia de visão computadorizada, lasers, radar e diversos sensores fazem toda a leitura da estrada para tocar o bruto sozinho no trecho. A promessa? Redução de custos com mais tempo de viagem sem paradas, controle central e livre de emissões.

Por outro lado, não faltam estudos na internet sobre o impacto dos caminhões elétricos e autônomos nas cidades do interior e toda a economia que gira em torno da prestação de serviços para a indústria, do posto de combustíveis com restaurante até hotéis de beira de estrada. No mínimo, desviará a força de trabalho para outras funções e locais, em um futuro próximo.

Veja também

City planners eye self-driving vehicles to correct mistakes of the 20th-century auto 

Caminhão elétrico da Tesla Motors é lançado


30 de abril de 2020

Minicarregadeira vira pulverizador em empresa americana


minicarregadeira

A Farb Guidance Systems desenvolveu um sistema autônomo para diversos implementos, todos tendo como base uma minicarregadeira CAT

A Farb Guidance Systems é uma empresa americana que iniciou as atividades em 2012, especializada no desenvolvimento de soluções para veículos agrícolas autônomos. É mais uma na corrida dos veículos sem operador no agro.

Com uma missão nobre, diz o site que a Farb é “focada em inovação, sustentabilidade, filantropia e liberdade de escolha, preservando recursos naturais nas propriedades, aumentando a produtividade e os lucros e, eventualmente, explorando e desenvolvendo áreas do planeta onde anteriormente era impossível plantar“.

Na base do projeto de veículo autônomo, uma minicarregadeira Caterpillar 299D2 modificada com computadores e controles, GPS e vários sensores. O conjunto pode ser acoplado em uma diversidade de implementos para a realização de trabalhos na lavoura.

O sistema é capaz de detectar obstáculos, pessoas e animais no trajeto, bem como manter a memória geográfica do terreno mesclando os dados com os relatórios de clima. Com muita chuva, a máquina já sabe que em determinado ponto a lavoura fica com lamaçais, por exemplo.

O pulverizador autônomo, na lida com canola.

O pessoal da Farb foi esperto ao escolher um veículo existente que conta com manutenção em quase todo o planeta, apenas adaptando a parte inteligente: computadores e softwares.

O arranjo já realizou mais de 1000 horas de serviços em lavouras, cobrindo mais de 4000 hectares nos Estados Unidos e no Canadá, no trabalho com grades, semeadura, pulverização e amostragem de solo.

A empresa vende ou aluga as máquinas, que só precisam de cobertura de internet na lavoura onde será executado o trabalho. As máquinas são controladas remotamente, direto da sede da empresa. Ainda segundo a Farb, no caso de terceirização dos serviços, os custos são compatíveis com as alternativas tradicionais de uso de maquinário agrícola.

Veja também

Pulverizador robô autônomo: mais uma novidade no Agro.

Idaho company’s unmanned farm equipment taking off across U.S.


2 de março de 2019

Os chineses estão desenvolvendo um trator sem operador


Trator Sem Operador

O Super Tractor I é um modelo autônomo (driverless) e totalmente elétrico, em testes nos campos da China

No final de janeiro deste ano, o canal New China TV no Youtube divulgou imagens do projeto Super Tractor One, o trator elétrico, sem operador e dotado de inteligência artificial em desenvolvimento pelos chineses:

Não existe muita informação disponível na internet sobre o projeto, mas uma postagem no site Yandex russo revelou que desde o outono de 2018 são feitos testes com tecnologias autônomas em pequenas lavouras na China. Também destaca que o responsável pelo Super Tractor é o grupo Telematics Industry Application Alliance (TIAA), onde faz parte a estatal chinesa de tratores, a YTO, além da empresa de sistemas de navegação HWA Create e a Heavy Industry Science & Technology Co. Ltd.

É mais um trator sem operador no mercado, além do conhecido projeto da Case IH e dos experimentos da Mahindra, entre outros.


2 de janeiro de 2018

Conheçam GUSS, o pulverizador sem operador


GUSS, o turbo pulverizador robô já está em ação nos pomares da Califórnia.

 

GUSS é a sigla para Unmanned Spray System, ou sistema de pulverização autônomo, em uma tradução livre. Foi desenvolvido pela CFS LP, afiliada da Crinklaw Farm Services, uma empresa que está desde os anos 80 na lida com serviços em pomares da Califórnia.

O veículo tem uma câmera que mapeia todo o caminho através dos corredores dos pomares, sensores com laser para detecção de obstáculos e presença de pessoas e também um sistema mecânico para detecção de choques físicos com o ambiente, travando o motor. A navegação com o GPS também precisa de circuitos extras, pois é impossível receber os sinais de satélite durante todo o trabalho, abaixo das folhagens.

 

 

O GUSS foi matéria na ABC em novembro de 2017. Assista o vídeo acima.

Saiba mais sobre o pulverizador sem operador no site da empresa.



Publicidade