Tag: Trigo

16 de setembro de 2020

Após incêndio e ataque cardíaco, agricultor recebe ajuda dos vizinhos nos EUA


Após incêndio

Comunidade agrícola nos Estados Unidos deu uma pausa na própria colheita para socorrer o vizinho que se recupera no hospital

Lane Unhjem, um agricultor da cidade americana de Crosby, Dakota do Norte, sofreu um ataque cardíaco após testemunhar sua colheitadeira ser consumida pelo fogo durante o trabalho. O sinistro aconteceu no início de setembro.

Hospitalizado e sem a máquina, Unhjem acabou recebendo a ajuda dos vizinhos para completar a colheita na propriedade. Um pequeno exército com cerca de 50 agricultores, colheitadeiras, carretas agrícolas, tratores e caminhões partiu para o trabalho e os 400 hectares de trigo foram totalmente colhidos em incríveis 7 horas.

As fotos abaixo são do Facebook de Don Anderson:

Casos assim são comuns nos Estados Unidos, com vários exemplos de comunidades agrícolas ajudando os vizinhos nos momentos mais complicados. Confira “Vítima de câncer, agricultor recebe a ajuda de vizinhos para colher o trigo nos EUA“, publicada aqui no blog em agosto de 2019.

O agricultor se recupera bem no hospital, seu trigo está bem guardado nos silos e a vida continua, deixando esta grande história para a posteridade.

Veja também

North Dakota community rallies to help farmer harvest crops after heart attack


16 de julho de 2020

Novo recorde mundial no trigo: 17,4 t por hectare


trigo

Agricultor da Nova Zelândia bateu o próprio recorde de 2017, em uma região que tem colheitas médias de 12 t por hectare

O agricultor Eric Watson, lá da Nova Zelândia, bateu a marca de 17,398 toneladas de trigo por hectare. Em 2017, ele também entrou para o Livro dos Recordes colhendo 16,791 toneladas, como destacamos aqui no blog na época. Leia em “Produtor da Nova Zelândia quebra recorde mundial de produtividade em trigo“.

https://www.facebook.com/CountryWideNZ/videos/604480187158920/

A média das coheitas do trigo irrigado no país é de 12 toneladas por hectare. Desta vez, o produtor disse para o site Farming UK que investiu em aplicação de N líquido e um melhor monitoramento da lavoura.

A variedade plantada foi a Kerrin, da empresa KWS. Plantada em abril de 2019 e colhida em 17 de fevereiro de 2020.


3 de junho de 2020

Chaff Deck e o manejo das plantas daninhas pós-colheita


Chaff Deck

Implemento desenvolvido na Austrália alinha a palha da colheitadeira para concentrar as sementes das plantas daninhas em duas trilhas, facilitando o manejo

Por diversas razões, nem todo mundo usa plantio direto. Da Austrália, vem o exemplo do Chaff Deck, um implemento que dá um destino diferente para a palha na saída da colheitadeira.

O Chaff Deck é um dispositivo colocado na saída de palha da colheitadeira que direciona a mesma para duas trilhas que serão administradas pelo manejo pós-colheita escolhido na propriedade.

Chaff Deck em imagens

A trilha após colheita.
Chaff Deck
O implemento instalado.
Chaff Deck
Instalado em uma CASE IH.
Chaff Deck
Instalado em uma John Deere.
Chaff Deck
Instalado em uma Claas Lexion
Aspecto futuro das trilhas em uma lavoura

As trilhas dificultam a germinação das plantas daninhas, diminuindo ou zerando a necessidade de herbicidas, queimadas e também facilitando o manejo com sistemas de tráfego controlado. O espaço entre as trilhas é configurável.

O kit completo custa cerca de 12 mil dólares australianos (R$ 42 mil na cotação de hoje) e é fabricado pela empresa EMAR. No site, é possível conferir uma série de postagens (em inglês) com exemplos de uso do implemento e as vantagens encontradas, sempre levando em conta que é a realidade australiana.


1 de junho de 2020

Agricultor morre após esperar dias na fila para entregar o trigo na Índia


agricultor morre

Foi a segunda morte em poucos dias, em um sistema caótico e prejudicado pelas políticas de distanciamento social e erros das autoridades

Um agricultor de 45 anos morreu na fila de espera para entregar o trigo em um silo na região de Madhya Pradesh, na Índia. Após dois dias parado no calor junto com outras centenas de produtores, Jairam Mandloi não resistiu e sofreu um ataque cardíaco. Mesmo levado para o hospital, faleceu.

Na Índia, os agricultores recebem uma mensagem de texto no celular que avisa quando estes podem levar a produção para vender nos pontos de recebimento. Jairam recebeu o aviso e deslocou para o silo. Lá, com as políticas de distanciamento social causadas pela pandemia do coronavírus e o aumento da produção de trigo neste ano, o sistema ficou caótico e as filas saíram do controle.

Fila de produtores na Índia. Foto: Gonews.

Foi o segundo caso de morte na fila de espera para a entrega da produção. Recentementem outro agricultor morreu após seis dias esperando para entregar o trigo.

Saiba mais

MP: Another Farmer Dies In Queue After Waiting For Three Days To Sell Wheat At Procurement Centre.


24 de abril de 2020

Colhendo trigo (e palha) no Paquistão


colhendo trigo

 

Mesmo com alternativas modernas para a mecanização da coleta de palha de trigo, algumas comunidades ainda mesclam o uso de colheitadeiras com práticas centenárias

Um operador colhendo trigo, atravessando a lavoura sem deixar para trás qualquer vestígio de palha. Esta é uma imagem comum no Paquistão e na Índia, onde a mecanização agrícola tem características bem peculiares.

New Holland CR-8080 com coletor de palha, colhendo trigo. Reprodução do canal Different Angle no Youtube.

Primeiro, a terceirização é muito comum nestas regiões. Em época de colheita, caravanas de operadores autônomos com suas colheitadeiras antigas cruzam as estradas atrás de trabalho.

Colhendo trigo

Com a falta de recursos nas micro e pequenas propriedades, aluga-se o serviço e muitas vezes o negócio é à moda antiga: lona no chão e o produto descarregado ali mesmo, enquanto dezenas de pessoas juntam a produção em sacos.

Mas falando em palha, outra situação bem comum é o uso de colheitadeiras antigas com coletores de palha. A máquina não deixa nada no chão e vai acumulando em uma pequena caçamba, descarregando quando este chega no limite da capacidade, para que o contratante faça bom uso do produto.

A palha (ou Bhoosa como eles chamam por lá) é coletada, colocada em grandes caixotes de madeira montados no solo e pisoteada até ficar compactada na “forma”. Depois, a cobertura é selada com barro. A técnica milenar para o estoque de comida para os animais é o final do processo, que iniciou na máquina.

O caixote de palha, selado com barro. Veja mais aqui.

É claro que estes países também contam com propriedades usuárias de mecanização, balers, enfardadeiras e tudo mais na colheita de trigo e outras atividades. O interessante é observar que mesmo nos dias de hoje, as técnicas de antigamente ainda fazem sucesso, por necessidade ou tradição.

 


1 de agosto de 2019

Vítima de câncer, agricultor recebe a ajuda de vizinhos para colher o trigo nos EUA


vítima de câncer

Tragédia familiar revelou a solidariedade dos vizinhos e diversos membros da comunidade e até dos bombeiros


Larry Yockey, um agricultor de 64 anos da cidade de Ritzville, no estado de Washington (EUA), foi diagnosticado com câncer no estágio 4 em fevereiro deste ano: um melanoma que acabou se espalhando para os ossos, causando a quebra do quadril e algumas costelas. Impossibilitado de trabalhar como sempre nos últimos 50 anos, viu a sua lavoura de trigo (responsável por 100% da renda da família) correr o risco de apodrecer no campo.

Parte das máquinas que participaram do esforço coletivo para salvar o trigo do agricultor, vítima de câncer.

Quando os vizinhos ficaram sabendo do infortúnio, logo organizaram um grupo de trabalho para ajudar o agricultor. No último final de semana, um comboio de máquinas entrou na lavoura de Larry Yockey e fez o serviço. O trabalho que levaria 3 semanas foi executado em fantásticas 8 horas.

Além dos agricultores com suas colheitadeiras e carretas, bombeiros da região e mecânicos também doaram tempo livre para a empreitada. Outras pessoas da comunidade ajudaram levando lanches e bebidas para os voluntários.

Um belo exemplo que vem lá de cima, exaltando o espírito de ajuda mútua dos agricultores na América do Norte.

Saiba mais (em inglês): Farmers save a neighbor’s harvest when cancer sidelines him.


21 de abril de 2019

Uma lavoura de trigo em Nova York


Trigo em Nova York

O trigo foi plantado em Manhattan como uma “obra de arte” nos anos 80, no aterro do World Trade Center

Imaginem uma lavoura de trigo ao lado dos principais prédios da ilha de Manhattan, em Nova York. Em 1982, uma artista chamada Agnes Denes realizou esta proeza, dando o nome de Campo de Trigo para a instalação.

Uma área de 2 acres (0,8 hectare) onde hoje fica o Battery Park City foi limpa por um batalhão de voluntários que encheram 200 cargas de entulho, para posteriormente plantarem o trigo à lanço.

Apuramos que a colheitadeira (de parcelas) escolhida para o trabalho foi uma Hege 125, movida por um motor de fusca!

Segundo a artista, plantar trigo neste local foi uma espécie de “paradoxo”, a obra foi um símbolo, um conceito universal; representou alimento, energia, comércio, negócios e economia (…) chamando a atenção para nossas reais prioridades.

A pequena lavoura recebeu um sistema especial de irrigação, foi fertilizada e tratada com fungicida. O trigo foi plantado em abril, colhido em agosto e a pequena lavourinha rendeu 450 kg.

A produção viajou por 28 cidades do mundo no evento “The International Art Show for the End of World Hunger”, ou “Show internacional de arte para o fim da fome mundial” e doada para ser replantada em diversos locais.

Uma curiosidade: o terreno onde o trigo foi plantado vale a bagatela de 4,5 bilhões de dólares. Uma lavoura para poucos.

Saiba mais:

In 1982, An Artist Harvested Two Acres of Wheat on Land Worth $4.5 Billion.

The Woman Who Harvested a Wheat Field Off Wall Street.


11 de maio de 2018

A maior lavoura de trigo do mundo


maior lavoura




Recorde canadense de 1951 ainda não foi batido e o plantio é cheio de histórias.

 

A foto que ilustra a capa deste post é meramente ilustrativa: a maior área contínua plantada com trigo foi semeada no Canadá, em 1951. A incrível marca de 14160 hectares foi obtida por produtores associados na cidade de Lethbridge, no estado de Alberta, figurando imbatível no Livro dos Recordes, até a presente data.

A área do plantio pertencia a uma reserva indígena canadense, demarcada para a Tribo Blood. Os quase 15 mil hectares estavam arrendados e delimitados para o uso de uma escola de artilharia aérea, literalmente um local protegido para a explosão de bombas jogadas pelos aviões da No. 8 Bombing & Gunnery School. Parece estranho para a nossa realidade, mas os índios cobravam aluguel da Força Aérea Canadense.

 

Índios bons de negócio: terras arrendadas para a Força Aérea.

 

Com o fim do uso da área pela escola de artilharia, o espaço demarcado foi negociado com um grupo de agricultores da região. O terreno plano e cercado por uma única cerca originou a maior lavoura de trigo já plantada no planeta terra. Em um único “talhão”, por assim dizer.

 

 

 

Maior Lavoura

 

A região de Lethbridge continua com forte tradição agrícola e pouco mudou. A reserva indígena continua firme e forte e a paisagem é repleta de pivôs de irrigação. Confira imagens da área no Google Maps.

 


8 de fevereiro de 2018

A suinocultura está salvando os produtores de trigo na Alemanha


Suinocultura

Em alguns casos, o trigo para ração é negociado com preço acima do usado para farinha

 

Deu no Bloomberg:

O trigo para ração está salvando a vida dos traders de cereais e dos produtores da Alemanha. A demanda está alta e o preço oferecido supera em algumas negociações (168 contra 164 euros a tonelada) o valor pago para o trigo que vai para a indústria de farinha.

O país tem 30 milhões de suínos e abate cerca de 58 milhões de cabeças, todo o ano. Metade do trigo consumido no país (10,5M toneladas) vai para ração animal.

Confira a publicação (em inglês) no site da Bloomberg.


4 de abril de 2017

Produtor da Nova Zelândia quebra recorde mundial de produtividade em trigo


Produtor da Nova Zelândia

Eric Watson colheu 16.79 toneladas por hectare

Colhendo 16.8 toneladas por hectare, o produtor Eric Watson, da Nova Zelândia, bateu um novo recorde mundial, já devidamente registrado pelo Guiness.

No total, foram cultivados 12 hectares, colhidos e pesados com a máxima precisão. Tudo acompanhado por uma equipe de fiscais, para o registro do recorde. A marca anterior era de um produtor da Inglaterra, com 16,52 toneladas por hectare.

O trigo foi irrigado duas vezes e recebeu 285 kg de nitrogênio.

O trigo de inverno é inglês, variedade Oakley, plantada em meados de abril de 2016 e colhida em fevereiro.


19 de janeiro de 2017

FoodGrains Bank – A União de Igrejas Canadenses Para Acabar com a Fome Mundial


FoodGrains Bank

Entidade é composta por 15 igrejas diferentes e coordena o plantio, colheita e fluxo de doações para atender 40 países que passam por necessidades

 

Canadian FoodGrains Bank é uma entidade que existe desde 1983, organizando a produção de alimentos e captando doações de famílias de agricultores canadenses que entregam o lucro da venda das colheitas ou transferem diretamente a produção em ações pontuais.

As colheitas destinadas ao programa são uma festa de cidadania, encontro entre amigos e uma troca onde se por um lado sai o produto e seu resultado financeiro, retornam laços de união e o senso de comunidade e religiosidade.

18 Colheitadeiras Unidas Contra a Fome

Na safra de 2016, os agricultores de Killarney, no Manitoba, organizaram uma mega colheita de trigo, reunindo 18 colheitadeiras, das mais modernas até algumas raridades. Abaixo, vídeo e fotos do evento. Nesta localidade, a colheita é realizada em duas etapas por conta da umidade. A primeira passada corta e deixa o produto no chão, a segunda faz a colheita.

 

 

 

Entre as igrejas envolvidas (representando 30 denominações e mais de 17 mil congregações) estão Adventista, Batista, Luterana, Aliança Cristã e Missionária do Canadá, Cáritas, Assembléia Pentecostal, Menonitas, Plesbiteriana e outras.

Ensinando a Pescar

As ações não são limitadas às doações. Diversos programas de treinamento são realizados com agricultores locais, ações de saúde da família e planejamento.

No período de 2015 a 2016, foram movimentados pela instituição cerca de 43 milhões de dólares, em atividades para 40 países.

Leia o relatório de atividades 2015/2016 (em inglês) neste link.


17 de novembro de 2016

O Padeiro Mais Rápido do Mundo


O Padeiro Mais Rápido do Mundo

Colher o trigo, fazer a farinha, misturar a massa, assar e comer. Tudo isso em 12 minutos

 

Foi realizada uma competição na Inglaterra para definir quem é o padeiro mais rápido do mundo, da colheita até o forno e ingestão da iguaria. O time campeão conseguiu fazer tudo isso em 12 minutos e 42 segundos, na edição deste ano. O recorde anterior era de 16 minutos.

A equipe precisa colher e fabricar uma quantidade de massa suficiente para 13 pães, assar e servir aos jurados. O evento é também beneficente e conseguiu arrecadar cerca de R$400 mil para um hospital local. Os vencedores são Keith Woller, Tina Glen, Anna Perz e Robin Hackers, representando a empresa ADM Millers.

 

A façanha está devidamente registrada no Livro dos Recordes.


Publicidade