A Samson Agro é especialista em distribuição de esterco líquido e desenvolveu o NPK Sensor, novidade no mercado

A empresa dinamarquesa Samson Agro tem 75 anos de mercado e é especialista em equipamentos para esterco líquido, de tanques a distribuidores e aplicadores.

Com toda esta prática, desenvolveu um sensor que poderá dar precisão em tempo real para a aplicação de esterco líquido nas lavouras: o NPK sensor, um equipamento que usa ressonância magnética nuclear para determinar a quantidade de cada nutriente no produto, dispensando a análise posterior de laboratório.

A medida exata durante a aplicação e bombas com fluxo variável podem aplicar no solo o que é necessário, como em outros sistemas conhecidos para adubação.

O sensor que mede por ressonância magnética, sem necessidade de calibração, a quantidade de nutrientes no esterco líquido:

O equipamento é instalado na saída do tanque e mede o fluxo em tempo real para detereminar os valores de nitrogênio, fósforo e potássio passando pela tubulação. Um imã super potente joga um campo eletromágnético no tubo e cada elemento reage de uma forma diferente quando “bombardeado” pelo sistema. Esta reação é medida pelo sensor e o resultado sai na hora.

Não há informações sobre valores ou se o sensor será comercializado em separado das soluções próprias da Samson Agro.

Saiba um pouco mais sobre Ressonância Magnética Nuclear no site da Embrapa.

O sensor foi destaque no prêmio de inovação da Agritechnica 2019, levando uma medalha de prata.

Leia também: SCiO, o analisador de alimentos portátil da Consumer Physics.

Facebook Comments