Explosão no porto de Beirute afetou a armazenagem de grãos do Líbano Blog do Farmfor

Porto de Beirute

Explosão no porto de Beirute afetou a armazenagem de grãos do Líbano

Explosão no Porto de Beirute botou abaixo diversos armazéns e o principal silo de concreto. A capacidade do sistema era de 120 mil toneladas

A explosão ocorrida na tarde desta terça no Porto de Beirute, no Líbano, deixou até o momento mais de trinta mortes registradas, milhares de feridos e destruição em um raio de quilômetros do local.

As causas da explosão ainda não foram esclarecidas, mas fala-se até em depósito de 50 toneladas de explosivos confiscados guardados no meio da estrutura que deveria ser exclusiva para o armazenamento de grãos.

O Porto de Beirute

Principal silo do porto. A explosão ocorreu no lado direito da estrutura.
O silo, depois da explosão.
Silo e armazéns destruídos.
Região do porto e a cidade no entorno. O ponto marcado no mapa fica a 1300 metros da explosão, onde foi gravado este vídeo que circula em diversos canais no Youtube.

O porto é um dos principais do Mar Mediterrâneo e considerado a porta de entrada para o Oriente Médio, com uma área de 1,2 milhão de metros quadrados. Perto dali, 30 km mais para o norte, fica o Porto de Byblos, considerado o mais antigo do mundo, construído pelos fenícios em 3000 antes de Cristo.

A explosão vai complicar a logística do país, que provavelmente passará a depender da ajuda dos países vizinhos para receber suas mercadorias, além da ajuda humanitária para a crise.

Via Farmfor.

Saiba mais

A conta The Intel Crab no Twitter é um bom concentrador de informações e esclarecimentos sobre o caso.


Publicidade