Agricultores norte-coreanos estão roubando fezes para fertilizar as lavouras - Blog do Farmfor Blog do Farmfor

agricultores norte-coreanos

Agricultores norte-coreanos estão roubando fezes para fertilizar as lavouras

Uma nova onda de crimes rurais na ditadura norte-coreana expõe a calamidade do país

 

Não estamos falando sobre o bom e velho esterco. Fezes humanas viraram um produto valioso nas áreas rurais da Coréia do Norte e o roubo entre vizinhos já é uma prática comum.

Por uma ordem expressa do próprio governo Kim Jong Un em 2014, os agricultores foram obrigados a adotar o “adubo de origem humana” nas lavouras, com o intuito de aumentar a produção e ser menos dependente de esterco animal. Fertilizante químico? Nem pensar por aquelas bandas.

 

Produção de milho em uma propriedade acima da média na Coréia do Norte. Veja mais imagens no site do Asia Times.

Juntamente com o uso indiscriminado de fezes, vieram as doenças causadas por vermes. Recentemente, um soldado do norte conseguiu escapar (por muito pouco) para a Coréia do Sul, em péssimo estado e com vermes gigantes no intestino.

Segundo apontou o The Mirror no ano passado, existe até uma cota de produção para os habitantes, gerando competição entre familiares para determinar quem é o melhor produtor. De fezes.

A situação é triste. O mundo espera que a situação por lá melhore, muito em breve.


Receba nosso conteúdo no e-mail!

Nosso canal no Telegram é gratuito. Participe!

Telegram do Farmfor

Publicidade