Produção de carpas no Iraque está perdida

Produção de Carpas

Posted by on 5 de novembro de 2018

Poluição é a principal suspeita pelas perdas de toneladas de peixes no país. Produção de carpas é tradicional na região e o peixe é o preferido dos iraquianos

 

Veja também: Piscicultura: manual prático na base de dados da pesquisa agropecuária da EMBRAPA

 

Você deve lembrar dos tempos de escola: Mesopotâmia, região entre os rios Tigre e Eufrates, berço de diversas civilizações. É lá que hoje se encontra o Iraque e o rio Eufrates sustenta uma enorme indústria e a atividade da piscicultura, entre elas a produção de carpas em tanques, é importante para o país, gerando emprego e renda. A carpa é praticamente o “churrasco dos iraquianos”, muito consumida pela população.

 

Peixes mortos sendo removidos em uma fazenda de produção de carpas. Imagem: The National.

 

No último mês, toneladas de carpas começaram a boiar, mortas nos tanques instalados nas margens dos rios. O trabalho de um ano inteiro perdido e que ainda pede um último investimento em vão: a contratação de trabalhadores e máquinas para o descarte dos peixes mortos (ainda que muitos produtores apenas joguem toneladas de peixes dos tanques diretamente para o rio).

Poluição industrial e esgoto doméstico, produção desordenada e pouco espaço entre os tanques, evitando o fluxo de água limpa são as causas prováveis apontadas pelas autoridades iraquianas. O boato de um envenenamento criminoso já foi descartado, mas peixes ainda estão em análise nos laboratórios. Enquanto isso, o preço do kg da carpa dobra  nos mercados iraquianos.

 

Saiba mais: Reuters.

 

Facebook Comments

Simple Business by Nimbus Themes
Powered by WordPress