Uma sabedoria dos antigos, muito comum no leste europeu.



Uma prática dos antigos e ainda em uso nos círculos tradicionalistas das comunidades rurais, lá no leste europeu: a previsão do tempo através da "leitura" do baço do porco, durante o abate.

O procedimento tem regras. O animal deve ser abatido no outono ou no início do inverno. Um "baço de primavera" não é capaz de fornecer os dados com precisão.

Com o baço na mão, o leitor divide mentalmente em seis pedaços a peça - cada parte representa um mês do ano - começando a investigação pela extremidade mais próxima da cabeça do animal.



Onde o baço fica mais grosso, está a indicação de um clima mais severo (mais frio). Uma protuberância, tempestades mais sérias. Outras diferenças no órgão podem indicar muito vento ou chuvas.

É claro que hoje em dia, a comunidade científica ri de certas crendices populares como a previsão do tempo pela leitura do baço. Ironicamente, estas tradições são criadas muitas vezes por várias leituras que dão certo, com precisão aceitável para os padrões da época.


A tradição na Romênia




O canal do Youtube Turism Bucovina, da Romênia, tem um vídeo fantástico onde é exibido o abate de um suíno em uma pequena comunidade rural daquele país (eles comentam sobre a leitura aos 4:30 do vídeo). Nós recomendamos a visualização pois muitos dos seguidores do Farmfor vão lembrar de alguns procedimentos, comuns em todo o mundo rural.